Descobrindo Sophia

sophia

Para quem não teve a chance de conhece-la quando apresentada pela cantora Maria Bethânia com o seu belíssimo “Mar de Sophia”, em 2006, ou pelos trechos de seus poemas estampados no Oceanário de Lisboa, mais uma chance. Um novo título de Sophia de Mello Breyner Andresen (1919-2004) chega às livrarias em edição da Companhia das Letras: Coral e Outros Poemas, uma antologia organizada por Eucanaã Ferraz que dá uma panorâmica da obra da poeta portuguesa.

A autora teve seu primeiro livro, Poemas Escolhidos, lançado no Brasil em 2004. Para esse ano estão previstos ainda, segundo os jornais, Obra Poética pela Tinta da China e Sophia: Singular Plural, reunião de ensaios, pela 7Letras.

Sophia manteve, na década de 60, uma ligação estreita com o Brasil, que lhe rendeu diversos poemas e uma sólida amizade com escritores como Manuel Bandeira, Murilo Mendes e João Cabral de Melo Neto.

Terror de te amar

Terror de te amar num sítio tão frágil como o mundo
Mal de te amar neste lugar de imperfeição
Onde tudo nos quebra e emudece
Onde tudo nos mente e nos separa

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s