90 anos de antropofagia

oswald575

Lançada em maio de 1928, a Revista de Antropofagia acaba de comemorar 90 anos. Surgida a partir do Manifesto Antropófago, de Oswald de Andrade,  marcou de maneira indelével a história das letras no país. Editada em sua primeira fase por Antônio de Alcântara Machado e gerenciada por Raul Bopp, a publicação durou até fevereiro do ano seguinte e reuniu nesse curto período a nata do movimento modernista: Plínio Salgado, Mário de Andrade, Jorge de Lima, Carlos Drummond de Andrade, Manuel Bandeira, Menotti del Picchia, Murilo Mendes, Pedro Nava e muito mais.

Em março de 29, a Revista passou a ser publicada no jornal Diário de São Paulo e teve 15 números publicados. “Não fazemos crítica literária. Intriga, sim!”, afirma Freuderico – pseudônimo de Oswald de Andrade sobre a atuação da publicação nessa nova fase, que contabilizou o afastamento de Drummond e Mário, e a adesão de Tarsila do Amaral e Patrícia Galvão.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s