Nosso herói sem nenhum caráter faz 90 anos

o batizado.png
“O Batizado de Macunaíma”, de Tarsila do Amaral

Marco do Movimento Modernista, “Macunaíma – O herói sem nenhum caráter” está completando neste ano de 2018, nove décadas de seu lançamento. Segundo seu autor, o poeta, escritor, crítico literário, musicólogo, historiador da arte, folclorista e ensaísta, Mário de Andrade (1893-1945), o livro foi escrito em seis dias. Lançado em tiragem inicial de apenas 800 exemplares – um deles hoje no acervo de obras raras da Biblioteca Nacional, foi já em sua origem visto como o carro-chefe do primeiro movimento literário genuinamente brasileiro.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s