“Vidas Secas” faz 80 anos

Vidas II

Um dos maiores clássicos da literatura brasileira em todos os tempos, “Vidas Secas” completa neste ano de 2018, oitenta anos de seu lançamento. Quarto romance do escritor alagoano Graciliano Ramos (1892-1953), o livro, cujo título original era “Um Mundo Coberto de Penas”, foi publicado inicialmente pela José Olympio e contava com ilustrações de Aldemir Martins. “Vidas Secas” vendeu mais de 10 milhões de cópias pelo mundo afora, foi adaptado inúmeras vezes para o cinema, teatro e TV e colocou o retirante Fabiano e sua cadela Baleia na galeria dos personagens mais emblemáticos da história literária do país.  Segundo a Wikipedia, com o livro, “Graciliano Ramos cria uma fantasmagórica realidade encontrada no interior do Nordeste, sob a imagem do homem quase bicho, massacrado pelas agruras de uma natureza insólita e de uma sociedade e um governo injustos”.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s