Os livros na Espanha

O percentual de espanhóis com mais de 14 anos que afirmam ser leitores frequentes de livros aumentou 7% nos últimos quatro anos, atingindo 67,2% da população. Os dados foram apurados pela associação de editores da Espanha e divulgada recentemente pelo site do jornal El Mundo. A pesquisa revela ainda que as mulheres lêem mais que os homens, 67,2% contra 56,2% e que os livros mais vendidos no país em 2018 foram “Patria”, de Fernando Aramburu; “A Catedral do Mar”, de Ildefonso Falcones; e “Batzan”, de Dolores Redondo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s