Crítica literária perde mais um nome consagrado

Steiner em imagem da revistacaliban.net

Depois de Harold Bloom, morto em outubro do ano passado, o mundo perde outro dos seus mais importantes críticos literários. Também professor, poeta e ensaista reconhecido, George Steiner morreu, aos 90 anos, no último dia 3, em Cambridge, no Reino Unido. Com mais de 20 títulos sobre assuntos diversos publicados, Steiner foi autor, entre outros, de “Tolstói ou Dostoiévski?”, “Nenhuma Paixão Desperdiçada”, “Lições dos Mestres” e “Aqueles que Queimam Livros”.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s