Os recomendados de novembro

Como faz ao final de cada mês, o Aliás, de O Estado de SP, faz uma seleção de 10 lançamentos recentes que a equipe do jornal recomenda entrar para a estante de seus leitores. Eis a lista de novembro:

O que é a arte • Relicário Edições

“O que é Arte”, Arthur Danto – Relicário

O Gueto Interior”, Santiago Amigorena – Todavia

-“Ressurreição”, Liev Tolstoi – Companhia das Letras

Stephen Hawking: Histórias de física e de uma amizade | Amazon.com.br

“Stephen Hawking”, Leonard Mlodinow – Zahar

“Fragmentos de Alma”, Maristela Temer – Noeses

“Os Vivos e os Outros”, José Eduardo Agualusa – Tusquets

“A Cruzada das Crianças”, Marcel Schwob – Editora 34

“A Filha da Figura”, Sérgio Medeiros – Rafael Copetti Editor

“Pandora Pandêmica”, Glauco Gonçalves – Córrego

“Mecanismos Internos”, J.M. Coetzee – Carambaia

Oceanos anuncia os seus 10 finalistas deste ano

Itamar Vieira Junior
Itamar Ferreira Junior, finalista do Oceanos 2020 – Foto: Câmara Municipal de Varzim/OESP

Depois do destaque nacional com o Jabuti 2020 – entregue na última quinta-feira, a literatura em língua portuguesa, ganha novas dimensões com a entrega do Oceanos, prevista para o dia 18 de dezembro. A lista dos 10 finalistas foi anunciada no dia 24 passado e inclui sete escritores brasileiros. Os três melhores livros receberão, respectivamente, R$ 120 mil, R$ 80 mil e R$ 50 mil. Confira abaixo os livros finalistas do Oceanos 2020 nas categorias Romance, Poesia e Crônicas, conforme publicado pelo jornal O Estado de SP.

“A Cidade Inexistente”, José Rezende Jr. – Brasil

“A Ocupação”, Julián Fuks – Brasil

“A Visão das Plantas”, Djaimilia Pereira de Almeida – Portugal

“As Durações da Casa”, Julia de Souza – Brasil

“A Sola dos Pés de Meu Avô”, Tiago D. Oliveira – Brasil

“Autobiografia”, José Luís Peixoto – Portugal

“Carta à Rainha Louca”, Maria Valéria Rezende – Brasil

“Obnóxio”, Abel Barros Baptista – Portugal

“Sombrio Ermo Turvo”, Veronica Stigger – Brasil

“Torto Arado”, Itamar Vieira Junior – Brasil

Roteiros de sucesso

Diretor de alguns dos maiores sucessos do cinema nacional contemporâneo, Kleber Mendonça Filho acaba de lançar “Três Roteiros”. O livro, segundo texto de apresentação da editora, forma uma trilogia ímpar para entender o Brasil, que se mostra cada vez mais simétrica com os acontecimentos reais. “Se em ‘O Som ao Redor‘ vemos a diferença entre os começos do roteiro e do longa-metragem, no texto de ‘Aquarius’ temos um final bastante diferente do que foi filmado, mostrando a vivacidade de uma arte que se molda à medida que se desenvolve. Já em ‘Bacurau’, as cenas de violência extrema ganham um novo contorno depois da leitura deste livro”, afirma a editora.

Obra da poeta Cida Pedrosa é eleita o livro do ano

SOLO PARA VIALEJO

E o Livro do Ano, eleito pelo Jabuti, foi “Solo para Vialejo”, da poeta Cida Pedrosa, publicado pela editora pernambucana Cepe e vencedor na categoria poesia. A mais tradicional premiação literária do país, em sua 62ª edição, foi anunciada na quinta-feira passada e destacou, ainda, entre dezenas de outros títulos vencedores em diferentes categorias, “Torto Arado”, de Itamar Vieira Junior; “Pequeno Manual Antirracista”, de Djamila Ribeiro; “Escravidão”, de Laurentino Gomes e “Urubus”, de Carla Bessa.

Abaixo, os vencedores em algumas das categorias do prêmio.

CONTO

“Urubus”, Carla Bessa – Confraria do Vento

CRÔNICA

-“Uma Furtiva Lágrima”, Nélida Piñon – Record

HISTÓRIAS EM QUADRINHOS

“Silvestre”, Wagner Willian – Darkside Books

INFANTIL

“Da Minha Janela”, Otávio Júnior – Companhia das Letrinhas

JUVENIL

“Palmares de Zumbi”, Leonardo Chalub – Nemo

POESIA

“Solo para Vialejo”, Cida Pedrosa – Cepe Editora

ROMANCE DE ENTRETENIMENTO

“Uma Mulher no Escuro”, Raphael Montes – Companhia das Letras

ROMANCE LITERÁRIO

“Torto Arado”, Itamar Vieira Junior – Todavia