A maestria de Rosa e Araquém

Veredas-de-Araquém-Alcântara3-696x522

“Hem? Hem? O que mais penso, testo e explico: todo-o-mundo é louco. O senhor, eu, nós, as pessoas todas. Por isso é que se carece principalmente de religião: para se desendoidecer, desdoidar. Reza é que sara da loucura. No geral. Isso é que é a salvação da alma… Muita religião, seu moço! Eu cá, não perco ocasião de religião. Aproveito de todas. Bebo água de todo rio… Uma só, para mim, é pouca, talvez não me chegue.”

João Guimarães Rosa,  “Grande Sertão: Veredas”

Foto de Araquém Alcântara

 

O prazer de ler

gif sherlock.gif

“Leia não para contradizer nem para acreditar, mas para ponderar e considerar. Alguns livros são para serem degustados, outros para serem engolidos, e alguns poucos para serem mastigados e digeridos. A leitura torna o homem completo, as preleções dão a ele prontidão, e a escrita torna-o exato.”

Francis Bacon (1597), em “O Livro das Citações”, de Eduardo Giannetti