Os imperdíveis, segundo Stephen King

A lista de sugestões dessa vez é de filmes, mas indicados por um escritor e mestre supremo no assunto. Em matéria publicada em O Globo, Stephen King, ele mesmo autor de alguns vários livros que se tornaram filmes clássicos do gênero – “O Iluminado”, “Carrie, a Estranha” e “It: a Coisa”, elencou cinco longas-metragens imperdíveis de terror.

“A Bruxa de Blair”, Daniel Myrick e Eduardo Sánchez – 1999

“Alien, o Oitavo Passageiro”, Ridley Scott – 1979

“O Exorcista”, William Friedkin – 1973

“Despertar dos Mortos”, George A. Romero – 1978

“Os Filhos do Medo”, David Cronenberg – 1979

Livros no Oscar

O blog listasliterarias.com enumerou seis obras que inspiraram filmes que estão na disputa do Oscar 2020. Confira:

“O Céu que nos Oprime”, Christine Leunens

Disputa o prêmio em seis categorias, incluindo a de Melhor Filme. O livro deve ser lançado ainda este mês pela Bertrand Brasil.

“Mulherzinhas”, Louisa May Alcott

Com diversas edições em português, o livro inspirou “Adoráveis Mulheres”, também concorrendo em seis categorias, incluindo Melhor Filme e Melhor Roteiro Adaptado.

“Dois Papas”, Anthony McCarten

O filme, dirigido pelo brasileiro Fernando Meireles, concorre com três indicações ao prêmio máximo do cinema mundial.

“Como Treinar seu Dragão”, Cressida Cowell

Terceira adaptação da obra literária, concorre ao Oscar de Melhor Animação.

“O Irlandês – Os Crimes de Frank Sheeran para a Máfia”, Charle Brandt

Obra adaptada pela Netflix indicada em onze categorias e um dos favoritos da crítica.

“Amor de Cabelo”, Mattew A. Cherry

Obra infantil, inspirou filme que concorre na categoria Melhor Curta de Animação.

Sessão de cinema com um especialista

Já em pré-venda na Amazon o novo livro do jornalista Sérgio Augusto, “Vai Começar a Sessão”. Com 533 páginas, o lançamento da Objetiva reúne textos produzidos desde os anos 2000 e publicados, em sua maioria, no jornal O Estado de São Paulo. Uma primeira versão dessa coletânea já havia sido publicada em formato digital em 2015, sob o título “O Colecionador de Sombras” e, segundo nota da editora, juntos, “formam uma espécie de guia afetivo da Sétima Arte para curiosos e aficionados, mas também para todo mundo que se interessa por cultura, ou simplesmente deseja uma boa leitura”. “Diretores, atrizes e atores, trilha sonora, bastidores das filmagens, iluminação, roteiro: todos os aspectos da arte e da indústria cinematográfica se encadeiam em um texto saboroso, opinativo e bem informado”, completa a nota.

O oráculo de Meirelles

“Para mim, “Grande Sertão: Veredas” funciona até como um oráculo. Abre-se uma página ao acaso, lê-se o que está à frente e ali estará uma pequena revelação. Dificilmente outra obra me tocará tanto na vida.” Fernando Meirelles em depoimento a Walter Porto, do “Ilustríssima”, da FSP.

Além do encantamento pela obra de Guimarães Rosa, o cineasta comenta também sobre seu sonho de mais de 20 anos de filmar a história de Riobaldo e Diadorim em uma versão “mais clássica”. Meirelles é diretor de vasta filmografia adaptada de livros. Caso, entre outros de “Cidade de Deus”, “Ensaio sobre a a Cegueira” e “O Jardineiro Fiel”. Seu mais recente filme, “Dois Papas”, com Anthony Hopkins e Jonathan Pryce, estreia na Netflix no próximo dia 20. Matéria completa, para assinantes, pelo link: https://www1.folha.uol.com.br/ilustrissima/2019/12/adaptar-grande-sertao-para-cinema-e-sonho-ha-20-anos-diz-fernando-meirelles.shtml. No vídeo abaixo, Bethânia lê trecho do livro.

Gullar por Silvio Tendler

Foto: EBC

Depois de levar para as telas documentários de sucesso sobre figuras como Jango, Juscelino Kubitschek e Glauber Rocha, o poeta maranhense Ferreira Gullar, morto em dezembro de 2016 aos 86 anos, é tema do novo longa do diretor Silvio Tendler, “Ferreira Gullar – Arqueologia do Poeta”, em fase de pré-lançamento no país.

Tendler era amigo do poeta e já havia se inspirado no seu “Poema Sujo” para as produções “Há Muitas Noites na Noite”, uma vídeo instalação, de 2011, e a série documental de mesmo nome exibida no final de 2015 na TV Brasil.