De Paul para os netos

Aos 77 anos, Paul McCartney estreia no universo infantil com seu “Hey Grandude!”. O livro, já a venda em sua edição em inglês, é dedicado aos netos do beatle, com quem, segundo os jornais, costuma se divertir pescando e tomando sorvete. “Tenho um pequeno bote nos Hamptons e sempre que posso saímos juntos para o mar, onde às vezes pescamos”, disse o músico à revista Paris Match.

McCartney é pai de cinco filhos e tem oito netos. Quatro deles são filhos da estilista Stella McCartney e quatro da filha mais velha, Mary. Segundo o El País, Paul é um avô participativo, que além de jogar futebol, ver TV e ouvir música com os netos, gosta de ir buscá-los no colégio.

“Hey Grandude!” conta as fantásticas aventuras do Grandude – mistura de palavras em inglês que significam avô e amigo, um personagem mágico que vive com seus netos e que, segundo Paul, é baseado em sua própria experiência.

Ziraldo inesquecível

Um dos principais artistas gráficos do país e autor de obras clássicas da nossa literatura infanto-juvenil, Ziraldo Alves Pinto, completa 87 anos no próximo dia 24. Nascido em Caratinga (MG) em 1932, Ziraldo iniciou sua carreira nos anos 50 e teve atuação destacada nos principais jornais e revistas do país. Caricaturista, chargista, jornalista, escritor, teatrólogo, cartazista e pintor, foi um dos fundadores de “O Pasquim” e lançou seu primeiro livro infantil (“Flicts”) em 1969. No ano passado, sofreu um AVC e chegou a ficar internado por cerca de um mês, no Rio de Janeiro. Abaixo seleção de “10 obras inesquecíveis do autor, feita pelo Estadão no ano passado por ocasião de seu aniversário de 86 anos.

“O Menino Maluquinho”

“Flicts”

“O Bichinho da Maçã”

“A Turma do Pererê”

“O Joelho Juvenal”

“O Planeta Lilás”

“O Menino da Lua”

“Meninas”

“Tantas Tias”

“A Fábula das Três Cores”  

Mistral para pequenos

Catalan Ramos/MutualArt

Abaixo poema da chilena Gabriela Mistral (1889-1957), Nobel de Literatura em 1945 e de quem, segundo o caderno “Ilustríssima”, da FSP, será lançado em breve, pela Olho de Vidro, “Balada da Estrela e Outros Poemas”, coletânea de temática infantil e rural, marcada por forte musicalidade e inédita no Brasil.

Noite

As montanhas se desfazem,
e o gado está perdido;
o sol regressa à fornalha:
todo o mundo está fugido.
Vai-se apagando o pomar,
a granja está submersa,
minha cordilheira esconde
a crista e o grito de alerta.
As criaturas deslizam
de soslaio até o limbo,
e nós dois também rolamos
rumo à noite, meu filho.

A história de Marsha contada por Rita Lee

A boa notícia, vista no blog Era Outra Vez, da FSP, é que a história da ursa Marsha, agora batizada de Rowena, vai ser contada por Rita Lee. Contrabandeada da Rússia e depois resgatada de um circo, Marsha vivia no zoológico de Teresina (PI) sob temperaturas de 40 graus, o que a tornou conhecida como a ursa mais triste do mundo em matérias que comoveram todo o país. Segundo informa o blogueiro Bruno Molinero, o livro “Amiga Ursa – Uma História Triste, mas com Final Feliz” deve ser lançado no próximo mês de julho, pela Globinho.

“Chapeuzinho Vermelho” entra na mira da censura

O obscurantismo no século XXI parece não ter limites e, em breve, pode levar a cenas bizarras, como a observada pelo blogueiro Bruno Molinaro, do “Era Outra Vez”. Em postagem recente no blog da Folha de SP, ele faz o alerta: “Não se assuste se, em breve, crianças forem flagradas traficando páginas xerocadas de “Chapeuzinho Vermelho” na hora do recreio”.

O conto de fadas de origem européia do Sec. XIV – cuja versão mais conhecida é a dos Irmãos Grimm, integra a lista de obras censuradas em uma escola ligada à prefeitura de Barcelona, por serem consideradas “tóxicas” por reproduzirem padrões sexistas. Segundo Molinero, no total, o colégio Tàber decidiu retirar de sua biblioteca 200 livros destinados a alunos de até seis anos. O número equivale a 30% do acervo. “A Bela Adormecida”, quem diria, também está na lista das obras perigosas.