Para ler antes de morrer III

Seleção 3 de “livros para ler antes de morrer”.

1-“O Último dos Moicanos”, James Fenimore Cooper – 1826

2-“O Vermelho e o Negro”, Stendhal – 1831

3-“O Corcunda de Notre Dame”, Victor Hugo – 1831

4-“Eugene Onegin”, Alexander Pushkin – 1833

5-“Oliver Twist”, Charles Dickens – 1833

6-“Pai Goriot”, Honoré de Balzac – 1834-35

7-“O Nariz”, Nikolai Gógol – 1836

8-“A Cartuxa de Parma”, Stendhal -1839

9-“Almas Mortas”, Nikolai Gógol – 1842

10-“Ilusões Perdidas”, Honoré de Balzac – 1843

Manuais antirracistas

Diante da urgência de se aprofundar o debate sobre o tema, a Companhia das Letras selecionou 40 títulos antirracistas editados por selos da casa. Segundo o blog da editora, são livros que “tratam de raça através de experiências reais, análises históricas ou narrativas sobre amor, amizade e resistência”. Tem romance, contos, poesia, ensaios, biografias e histórias infantis.

FICÇÃO

“Americanah”, Chimamanda Ngozi Adichie – Companhia das Letras

“Amoras”, Emicida – Companhia das Letrinhas

“Da Minha Janela”, Otávio Júnior – Companhia das Letrinhas

“Enterre seus Mortos”, Ana Paula Maia – Cia das Letras

“Histórias da Cazumbinha”, Meire Cazumbá – Companhia das Letrinhas

“Histórias da Preta”, Heloisa Pires Limas – Cia das Letrinhas

“Luanda, Lisboa, Paraíso”, Djaimilia Pereira de Almeida – Cia das Letras

“Marrom e Amarelo”, Paulo Scott – Alfaguara

“Memórias Póstumas de Brás Cubas” – Machado de Assis – Penguin

“O Menino Negro”, Camara Laye – Seguinte

“O Mundo se Despedaça”, Chinua Achebe – Cia das Letras

“O Olho Mais Azul”, Toni Morrison – Cia das Letras

“O Sol na Cabeça”, Geovani Martins – Cia das Letras

“Úrsula”, Maria Firmina dos Reis – Penguin

“Recordações do Escrivão Isaías Caminha”, Lima Barreto – Penguin

“Redemoinho em Dia Quente”, Jarid Arraes – Alfaguara

“Ritmo Louco”, Zadie Smith – Cia das Letras

“Se a Rua Beale Falasse”, James Baldwin – Cia das Letras

NÃO-FICÇÃO

“Doze Anos de Escravidão”, Solomon Northup – Penguin

“A Autobiografia de Martin Luther King”, Clayborne Carson  Zahar

“A Educação de uma Criança sob o Protetorado Britânico: Ensaios”, Chinua Achebe – Cia das Letras

“A Cor da Liberdade: Os Anos de Presidência”, Nelson Mandela e Mandla Langa – Zahar

“A Origem dos Outros”, Toni Morrison – Cia das Letras

“Dicionário da Escravidão e Liberdade”, Lilia Moritz Schwarcz e Flávio Gomes (Orgs.) – Cia das Letras

“Entre o Mundo e Eu”, Ta-Nehisi Coates – Objetiva

“Fiel”, Jessé Andarilho – Objetiva

“Malcolm X”, Manning Marable – Cia das Letras

“Martin e Rosa”, Raphaële Frier e Zaü – Pequena Zahar

“Minha História”, Michelle Obama – Objetiva

“Mocambos e Quilombos”, Flávio dos Santos Gomes – Claro Enigma

“Muito Longe de Casa”, Ishmael Beah – Cia das Letras

“Na Minha Pele”, Lázaro Ramos – Objetiva

“Nômade”, Ayaan Hirsi Ali – Cia das Letras

“O Amor como Revolução”, Henrique Vieira

“O Alufá Rufino”, João José Reis, Flávio dos Santos Gomes e Marcus J. de Carvalho – Cia das Letras

“O Jogo da Dissimulação”, Wlamyra R. de Albuquerque – Cia das Letras

“O Perigo de Uma História Única”, Chimamanda Ngozi Adichie – Cia das Letras

“Pequeno Manual Antirracista”, Djamila Ribeiro

MÚSICA E POESIA

“Não Pararei de Gritar”: Poemas Reunidos”, Carlos de Assumpção – Cia das Letras

“Sobrevivendo no Inferno”, Racionais MC’s – Cia das Letras

Para ler antes de morrer II

Seleção 2 de “livros para ler antes de morrer”.

1-“A Vida e as Opiniões do Cavalheiro Tristram Shandy”, Laurence Stern – 1759-1767

2-“Uma Viagem Sentimental”, Laurence Stern – 1768

3-“Os Sofrimentos do Jovem Werther”, Goethe – 1774

4-“As Ligações Perigosas”, Pierre Choderlos de Laclos – 1782

5-“Confissões”, Jean-Jacques Rosseau – 1782

6-“As Afinidades Eletivas”, Goethe – 1809

7-“Razão e Sensibilidade”, Jane Austen – 1811

8-“Orgulho e Preconceito”, Jane Austen – 1813

9-“Frankenstein”, Mary Shelley – 1818

10-“Ivanhoé”, Walter Scott – 1820

Para ler antes de morrer I

Seleção 1 de “livros para ler antes de morrer”.

1-“As Mil e Uma Noites”, C-850

2-“O Romance de Genji”, Murasaki Shikibu – Sec. XI

3-“O Asno de Ouro”, Apuleio – 1469

4-“Gargântua e Pantagruel”, François Rabelais – 1532-1564

5-“Os Lusíadas”, Luís Vaz de Camões – 1572

6-“Dom Quixote”, Miguel de Cervantes – 1605-1615

7-“Robinson Crusoé”, Daniel Defoe – 1719

8-“As Viagens de Gulliver”, Jonathan Swift – 1726

9-“Tom Jones”, Henry Fielding – 1749

10-“Cândido”, Voltaire – 1759

Sobre racismo e discriminação

A Amazon fez um apanhado de títulos para entendermos melhor um tema que, mais uma vez, esquentou os debates e que vem mobilizando milhares de pessoas em protestos por todo o mundo: racismo e discriminação. Abaixo, seleção de 10 obras da lista original de mais de 50 títulos listados pelo site.

“A Democracia da Abolição: Para Além do Império, das Prisões e da Tortura”, Angela Davis

“História da Cidadania”, Jaime Pinsky

”Por que Eu Não Converso Mais com Pessoas Brancas sobre Raça”, Reni Eddo-Lodge

“O Espetáculo das Raças”, Lilia Moritz Schwarcz

“Racismos: Das Cruzadas ao Século XX”, Francisco Bethencourt

“Nem Preto Nem Branco, Muito Pelo Contrário: Cor e Raça na Sociabilidade Brasileira”, Lilia Moritz Schwarcz

“Migração e Intolerância”, Umberto Eco

“Erguer a Voz: Pensar como Feminista, Pensar como Negra”, Bell Hooks

“Pequeno Manual Antirracista”, Djamila Ribeiro

-“A Origem dos Outros: Seis Ensaios sobre Racismo e Literatura”, Toni Morrison